fbpx

Mercado de escritórios de Lisboa está em alta

 

 

fundo inglês M&G Real Estate, que comprou este ano um edifício de escritórios em Lisboa por 46,5 milhões de euros, o Alexandre Herculano 53 – um imóvel com 23.916 metros quadrados (m2) que está totalmente ocupado por um inquilino, a Fidelidade –, coloca a capital portuguesa na lista de cidades “a ter em atenção” no setor imobiliário, nomeadamente no segmento de escritórios.

Segundo o relatório da empresa “Europe Real Estate Market Outlook” de março, que analisa as 23 cidades onde a M&G Real Estate está presente, os investidores estão atentos as metrópoles que se mostram mais dinâmicas e com melhores índices de perspetivas de rendimento, ou seja, que possam gerar melhores resultados a quem investe em projetos. Lisboa, Madrid (Espanha) e Berlim (Alemanha) foram em 2018, de acordo com o documento, as cidades com maiores crescimentos, superiores a 10%. 

 Fonte: idealista.pt

Consulte os nossos especialistas.

3 + 1 =

Ligue-nos!

911 593 235

Fique a par das últimas novidades